Curiosidades sobre o livro A SENHORA DO PARQUE

É bem verdade que o livro A SENHORA DO PARQUE está repleto de curiosidades. A história da história. Também, história sem história não tem graça, não é mesmo?

20170830_133857

Esta é a minha primeira publicação de ficção . Eu já tinha publicado dois livros infantis: O GALO AZUL (2015) e O FOGUETE E A LUA (2016). Fiquei preocupada, pois achei que as pessoas só me viam como escritora infantil. Mas, o livro vende muito bem e anda conquistando as pessoas.

A história do livro “A senhora do parque” foi inspirado em uma história que iniciei quando tinha 15/16 anos (década de 1980). A história foi adaptada aos tempos atuais e reescrita. A história original, datilografada e com as páginas já amareladas pelo tempo, estava esquecida em uma pasta.

IMG_20170224_113053_919

A personagem principal da história chama-se Alice. O nome não foi escolhido aleatoriamente. Na verdade  quis fazer alusão à personagem de Lewis Carol, na obra “Alice no País das Maravilhas” (1865 ). Afinal, A SENHORA DO PARQUE segue uma linha de realismo fantástico. O improvável que, de certa forma, acontece.

A história tem como pano de fundo o Parque Vicentina Aranha, situado na cidade de São José dos Campos (SP). O Parque Vicentina existe mesmo e é considerado um dos pontos turísticos da cidade. Você poderá saber mais sobre o parque pelo link http://www.pqvicentinaaranha.org.br/

Assim como a personagem, eu também costumava caminhar pelo parque Vicentina Aranha, todas as manhãs. E a cada caminhada, pensava no desenrolar da história. Parei de caminhar quando comprei o meu par de patins…Agora, só penso nos patins…e nas histórias.

Em determinado momento da história é citada uma conceituada escola técnica em que a personagem Alice estudou. Eu  estudei nesta instituição de ensino durante o ensino médio (2º grau na época), entre os anos de 1981 a 1983.

Um dos personagens chama-se Raimundo em homenagem ao meu avô materno.

Em um capítulo, a personagem Alice tem seu braço direito imobilizado. Bem, incontáveis vezes que tive o meu braço direito imobilizado, principalmente por quedas devido a patinação artística. Para contabilizar mais um gesso, fiquei imobilizada na primeira semana de julho (2017), devido a uma quada dos patins. Foi um mês de muitos “joinhas” para as pessoas.

20170704_113806

Como a arte imita a vida, surge a enfermeira Heloisa. Personagem criada em homenagem à tia-avó de meu filho Enzo. Nem preciso salientar que amo de paixão esta tia-avó.

Prefácio do livro foi escrito pelo jornalista Armindo Ferreira, meu amigo e colega de docência. São 10 anos de amizade e de muito papo no estacionamento da facul.

A senhora do parque foi inspirada em….bem…aí precisa ler a história, não é mesmo?

Para adquirir seu exemplar autografado do livro “A senhora do parque”,  acesse: www.editoradagaleria.com.br .  E faça uma escritora feliz….

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s